segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Tatajuba



Há aproximadamente 300 km de Fortaleza, Tatajuba é um dos últimos paraísos quase intocados pelo homem no Ceará.
Um vilarejo que parece viver constantemente sob "luz perfeita e exata", como diria Fernando Pessoa se por ali tivesse passado.
Lá dominam as casas e pousadas simples, que respiram sem a opressão dos Grandes Resorts e domínio estrangeiro, e esperamos que assim continue por um bom tempo.
Há cerca de 15 anos  os turistas que por ali passavam a caminho de Jericoacoara, encantavam-se com o lugar, e, como não havia  pousadas, os pescadores convidavam os visitantes para ficarem em suas casas, oferecendo não só o peixe frito, pescado na madrugada anterior, mas suas redes e camas - aqueles que possuíam. Vê-se aí uma pequena amostra do povo hospitaleiro que por ali vive.
Com um mar morno  que mais parece um lago de tão calmo e agradável que é, podemos passar horas avistando apenas um ou outro  pescador que passam lá longe com suas grandes redes de pesca, ou os carros que fazem o translado Camocim-Jericoacoara. Difícil é entrar nesse mar maravilhoso depois de uma noite ouvindo as histórias de tubarões do ex-pescador Sr. Manuel, dono da Pousada Brisa do Mar.
Depois de um fim de semana maravilhoso no local, com longas caminhadas matinais, banhos maravilhosos no mar, tardes inteiras na Lagoa da Torta, comendo o melhor camurupim e camarão à alho e óleo do Ceará na pousada do Sr. Manuel, a segunda-feira amanhece um dia nublado e triste, enquanto esperamos o carro de horário do Carlinhos, para ir embora. Jeri parece um grande e caótico centro urbano comparado a Tatajuba, e rezamos para que não tenha vaga nos ônibus só para podermos voltar ao paraíso.
Mas eis que, como nós, ninguém quer ir embora da região, e temos um ônibus vazio, com várias poltronas e não podemos enganar  nossa consciência por mais tempo - o trabalho nos chama.
Como Chegar
 Há dois caminhos para chegar a Tatajuba, por Camocim e por Jericoacoara, vale acrescentar dois lugares belíssimos.
Se você escolher por Jericoacoara, vá às agências da Redenção, presente em todas as rodoviárias de Fortaleza, na passagem já está incluso o transporte de Jijoca a Jericoacoara. Na agência você também pode fazer reservas para pousadas em Jeri. Ao chegar a Jericoacoara você pode alugar um buggy ou ir nos carros de horários.
Abaixo você encontrará os telefones necessários.
Por Camocim o trajeto é praticamente o mesmo, você compra a passagem nas agências da Guanabara ou Ipu Brasília, na rodoviária, lá chegando você também pode alugar o buggy ou ir nos carros de horário.

Eu aconselho:
Vá por Jericoacoara, a viagem é muito mais agradável, passe um dia visitando as belezas de Jeri. De lá pegue o carro de horário do Carlinhos, ou de algum outro camarada, é só perguntar que os moradores te falam onde encontrar. O carro de horário é muito mais barato e tão confortável quanto o buggy. Passe o fim de semana em Tatajuba, de lá siga para Camocim, também de carro de horário ou buggy, conheça a Ilha do Amor, Maceió, Olho D’água, Barra dos Remédios, e de Camocim você tem a opção de voltar para Fortaleza ou seguir para o Piauí, que é bem pertinho.
  
Translado Jeri-Tatajuba-Camocim:
Carlinhos - (88) 88115651
 Redenção:
(85) 3274-1274
 Guanabara:
(85) 4005-1992

Onde Ficar
 Das três pousadas existentes, aconselho a Brisa do Mar, do Sr. Manuel, pois além de ser à beira-mar, é simples, muito agradável, e tem uma comida muito boa. As outras duas são A Verde Folha, do Sr. Carlos, também belíssima, e a Santa Maria, do Sr. Miguel.
 Pousada Brisa do Mar:
Sr. Manuel - (88) 99615439
 Pousada Verde Folha:
Sr. Carlos -   carlos@verdefolha.com
                    injo@verdefolha.com
 Pousada Santa Maria:
Sr. Miguel - (88) 99036330
Anterior Proxima Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário